UMA HOMENAGEM A QUEM TANTO SE DEDICOU A ARTE E A CULTURA DE PIMENTA BUENO


Após nove anos de sua inauguração e sem condições de ser entregue a população, o Centro Cultural Antônio Augusto Neves foi reinaugurado nesta quinta feira, (23/11/2017). A reinauguração fez parte do rol de atividades e da programação que comemorou os 40 anos de emancipação político administrativo de Pimenta Bueno.

Dentre as tantas pessoas que sonharam e que esperaram por esta inauguração de fato, uma não estava presente, Valdinar de Souza Ferreira, uma das referências no meio artístico e cultural de Pimenta Bueno que perdeu a vida em um acidente de transito em julho de 2012 sem ver este projeto concluído.

Em meio a tantos homenageados e tantos agradecimentos às pessoas e autoridades que trabalharam e lutaram para que a cidade tivesse um espaço dedicado à arte e a cultura, Valdinar enfim foi lembrado e homenageado pela Vereadora Jordana Ferreira. Jordana fez questão de registrar  sua dedicação e amor pela arte e a cultura e lembrou  sua luta quase que  solitária em favor deste seguimento em Pimenta Bueno. Por falta de apoio, Valdinar trabalhava em outra cidade e nas horas de folga, desenvolvia projetos e atividades culturais em apoio aos que nunca desistiram de ver enfim, a cultura colocada em posição de destaque neste município.

Pimenta Bueno esperou 40 anos para ter um espaço onde a arte a cultura pudesse chamar de seu. Não fosse pela generosidade da Igreja Batista Nacional e de seus dedicados líderes, Pimenta Bueno não teria tido nos últimos anos, um espaço descente e adequado para grandes eventos como formaturas, palestras, shows culturais e até eventos políticos como foram os debates entre candidatos nas últimas eleições e a sessão itinerante da Assembleia Legislativa.

A inauguração do Centro Cultural Antônio Augusto Neves é a esperança de que o Show irá continuar. A prefeita Juliana Roque e seu esposo, Deputado Cleiton Roque, trouxeram outras notícias animadoras para os presentes ao evento de reinauguração do Centro Cultural. Informaram que tem quase 30 milhões para obras de infraestrutura garantidos para 2018, cerca de 800 mil para reforma do Estádio Municipal e recursos para conclusão do Hospital Ana Neta e compra de equipamentos.

 O importante de tudo isso, é a consciência das autoridades locais em saber que uma grande cidade não se faz apenas de grandes obras, mas de grandes talentos que só se descobre investindo nas pessoas. Uma cidade para ser grande precisa se desenvolver, economicamente, socialmente e culturalmente. Ao celebrar os seus 40 anos, Pimenta Bueno parece inaugurar uma nova concepção de desenvolvimento, onde não somente  as obras bem vindas e necessárias,  mas, as pessoas sejam vistas  e colocadas como prioridade das prioridades.