9 de dezembro de 2016

PESQUISA NA WEB REVELA: BRASILEIRO ESTÁ COM SAUDADES DE DILMA

247 - Pesquisa realizada nesta sexta-feira, 9, pelo site Yahoo! Notícias no Facebook mostra que uma boa parcela dos brasileiros está arrependida do golpe parlamentar que derrubou Dilma Rousseff e colocou Michel Temer na presidência da República.

75% acreditam que o País estava melhor com a Presidenta Dilma e 25% acha que ficou melhor com o impostor.

De Picolé de Chuchu a Santo da Odebrecht: Alckmin e o pecado da hipocrisia. Por Paulo Nogueira

Santo


Ele jamais deixou de ter as características de um picolé de chuchu, ainda que o apelido tenha progressivamente sumido.

Alckmin mostrou isso quando disputou a presidência com Lula, em 2006. Não foi um embate. Foi um massacre, mesmo com todo o apoio da mídia recebeu.

No momento-comédia de sua campanha, vestiu um macacão da Petrobras para tentar convencer os eleitores de que o PSDB não pretendia privatizá-la.

Mais recentemente, Alckmin recebeu um novo apelido. Menos engraçado, é certo, mas bem mais revelador — e incriminador: Santo.

Era seu codinome em planilhas ligadas a dinheiro sujo advindo de construtoras que financiaram campanhas suas — e de dezenas de outros políticos — com caixa dois. Às vezes, com dinheiro vivo.

O Santo está na manchete de hoje da Folha e dela pulou logo para as redes sociais. É um dos protagonistas da lista da delação da Odebrecht.

EXPLICA AÍ DOUTORA: POR QUE RÉU PODE ASSUMIR PRESIDÊNCIA DE UM PODER DA REPÚBLICA E NÃO DE OUTRO?

Matéria completa do Viomundo aqui 
Após liminar do ministro do Marco Aurélio Mello pelo afastamento de Renan Calheiros (PMDB/AL) da presidência do Senado, a presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Carmen Lúcia, pauta para apenas 48 horas depois o julgamento pelo plenário da decisão monocrática do seu colega.

Em decisão divergente de julgamento anterior de mesma matéria, ainda não findado pelo pedido de vistas de Dias Tóffoli, três ministros mudam seus votos e decidem com outros três (6 x 3) que Renan pode ser mantido na presidência do Senado, mas fica fora da linha sucessória da presidência da República.

A sequência fica ainda mais sinistra e deprimente pela divulgação por meio da imprensa de medida adotada pelo Senado durante sessão do STF, retirando urgência de projeto de lei do senador Renan Calheiros, que trata de punições a agentes públicos, inclusive, juízes, promotores e policiais, quando cometem crimes por abuso de autoridade.

A Ministra Carmen Lúcia que protagonizou frase festejada por setores da sociedade Brasileia em 2015. Disse ela:
Na história recente de nossa pátria, houve um momento em que a maioria de nós brasileiros, acreditou no mote segundo o qual uma esperança tinha vencido o medo. Depois, nos deparamos com ação penal 470 e descobrimos que o cinismo tinha vencido aquela esperança. Agora parece que se constatar que o escárnio venceu o cinismo.

Uma frase não poderia ser mais precisa para o momento atual. Sim, ministra, o escárnio venceu o cinismo nestas últimas horas, “como nunca antes na história desse país”.

COMEÇOU COM O REAJUSTE DE 41%

STF ENTRA NO TOMA LÁ, DÁ CÁ, DIZ KENNEDY ALENCAR


Colunista político Kennedy Alencar avaliou que o acordão entre o Senado e o Supremo Tribunal Federal que manteve Renan na presidência da Casa teve como contrapartida a suspensão da tramitação do projeto de lei de abuso de autoridade; "Há rumores também de que possa perder força a discussão para acabar com supersalários, tema caro e incômodo para o Judiciário e o Ministério Público. Apesar de o STF negar ter agido politicamente, a repercussão para o tribunal foi péssima e transmitiu a ideia de um jogo de toma lá, dá cá", disse Kennedy
9 DE DEZEMBRO DE 2016 ÀS 08:33 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM Telegram

8 de dezembro de 2016

COXINHAS COLOCA MORO NO PERFIL E APARECE AÉCIO JUNTO.

Outdoor.jpg

CHEFES DO DESMONTE DO ESTADO SOCIAL APROFUNDA A CRISE, AUMENTA O DESEMPREGO E RETIRA DIREITOS DOS MAIS POBRES

GOLPE FRACASSA: CREDIT SUISSE PREVÊ PIB ZERO EM 2017 E DESEMPREGO A 13,5%

Beto Barata/PR
O banco Credit Suisse acaba de divulgar suas previsões para 2017; segundo seus economistas, o resultado do PIB brasileiro será de 0% – isso mesmo, ZERO POR CENTO – em 2017 e o desemprego irá a 13,5%, atingindo cerca de 15 milhões de brasileiros; na foto acima, estão os três principais responsáveis: o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que incendiou o País após ser derrotado, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que avalizou o golpe, e Michel Temer, que traiu a presidente eleita Dilma Rousseff; golpe já custou 10% do PIB brasileiro – cerca de R$ 600 bilhões; Temer, que prometia resgatar a confiança, já é visto como uma fracasso pelos seus próprios aliados e a revolta social pode explodir em 2017
8 DE DEZEMBRO DE 2016 ÀS 09:24 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM Telegram

7 de dezembro de 2016

A FOTO QUE FALTAVA PARA MATERIALIZAR A FARSA QUE LULA JA DENUNCIOU NA ONU

LULA VAI À JUSTIÇA E DIZ QUE FOTO COM AÉCIO REFORÇA PARCIALIDADE DE MORO


Advogados do ex-presidente levam à Justiça registros de que o juiz Sérgio Moro, da Lava Jato, esteve nessa semana em dois eventos em que aparece em momentos íntimos e de confraternização com políticos do PSDB; em Mato Grosso, governado por Pedro Taques, o magistrado chegou a elogiar um deputado tucano em seu discurso; na noite de ontem, Moro se deixou fotografar em intimidade e dando risadas com o senador Aécio Neves (PSDB-MG), político mais delatado na Lava Jato, e o ministro José Serra, acusado de ter recebido R$ 23 milhões em propina da Odebrecht; as fotos geraram indignação na internet; confira a íntegra da petição apresentada pela defesa de Lula
7 DE DEZEMBRO DE 2016 ÀS 16:09 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM Telegram

PREMIAÇÃO "BRASILEIROS DO ANO", DA REVISTA "ISTOÉ", EM SÃO PAULO



O evento repercutiu nas redes sociais, porque escolheu, entre outros, Temer como o "Brasileiro do Ano" e Moro como "Brasileiro do Ano na Justiça". Além deles, prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB), levou o prêmio na categoria Gestão e o prefeito eleito de São Paulo, João Doria (PSDB), foi a Revelação na Política.
Depois dos escolhidos para receber o premio e desta foto, o que mais se precisa falar?

DIGA COM QUEM ANDAS QUE DIREIS QUEM ÉS

MORO CONFRATERNIZA COM AÉCIO E REVOLTA ESQUERDA

Diego Padgurschi /Folhapress
Embora tenha sido um dos políticos mais citados nas delações da Lava Jato, o senador Aécio Neves confraternizou, na noite de ontem, com o juiz Sergio Moro; Aécio já foi apontado como responsável por um mensalão em Furnas, como beneficiário de esquemas no Banco Rural e como "o mais chato" cobrador de propinas de uma empreiteira; a foto despertou reações indignadas na esquerda; "Do que riem tanto o 'justiceiro' alçado a 'herói nacional' e o candidato derrotado em 2014 - e recordista em citações na investigação comandada pelo primeiro?", questionou o senador Lindbergh Farias (PT-RJ); ontem, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que será julgado por Moro, acusou o juiz paranaense de ser um militante do PSDB
7 DE DEZEMBRO DE 2016 ÀS 05:19 // RECEBA O 247 NO TELEGRA

5 de dezembro de 2016

A Lava Jato não está em perigo

A Lava Jato não está em perigo, como afirma o juiz Sérgio Moro, por conta das propostas de combate aos abusos de autoridade de juízes e promotores. Para Fabretti, uma operação estaria em perigo apenas se os agentes públicos cogitassem abusar do poder. Caso eles pretendam seguir a Lei, a Constituição e os ritos legais, eles não poder ser impedidos de trabalhar.

Quem possui a legitimidade para processar um juiz, um promotor ou um procurador é o chefe máximo de cada instituição. Segundo Fabretti, quem tem o poder de fiscalizar a conduta, por exemplo, do procurador Deltan Dallagnol é o próprio chefe do MPF. "Não é a população, não é o Renan Calheiros, não sou eu quem vai apontar o dedo na cara".

"Será que não precisamos de um controle sobre aqueles que têm a caneta sobre a liberdade de alguém? Sobre quem tem o poder ou não de mover uma ação penal?".

"Não existe democracia sem Ministério Público e magistratura fortes e independentes. Mas fortes e independentes não significa serem incontroláveis."

2 de dezembro de 2016

A PREFEITA DE RIBEIRÃO PRETO (SP), DÁRCY VERA (PSD), FOI PRESA PREVENTIVAMENTE E AFASTADA DO CARGO NA MANHÃ DESTA SEXTA-FEIRA

A prefeita de Ribeirão Preto (SP), Dárcy Vera (PSD), foi presa preventivamente e afastada do cargo na manhã desta sexta-feira (2) durante a Operação Mamãe Noel, deflagrada pela Polícia Federal e pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público (MP).


Em nota, a PF informou que o nome desta fase - Mamãe Noel - se deve às evidências de que Maria Zuely repassou, entre 2013 e 2016, mais de R$ 5 milhões aos demais denunciados, em dinheiro e cheques. O valor teria sido desviado dos cofres públicos.

1 de dezembro de 2016

REQUIÃO: PROJETO DE ABUSO DE AUTORIDADE ‘NÃO TEM NADA A VER COM A LAVA JATO’

Requinhão chama de canalhice da imprensa, tentativa ligar projeto de abuso de autoridade com Operação Lava Jato.

Em vídeo, o senador Roberto Requião (PMDB-PR) defende o projeto contra abuso de autoridade por parte de juízes e procuradores e afirma que ele "não tem nada a ver com a Lava Jato"; "Não é possível que haja continuidade do abuso de poder, da mentira da imprensa, da manipulação da informação. Essa canalhice tem que acabar", diz; Requião, que é relator da proposta, anuncia que irá processar a Folha de S. Paulo, por tentar te "envolver neste processo" e dizer "mentirosamente, criminosamente, que eu fui envolvido numa delação premiada do Sérgio Machado"

JOAQUIM BARBOSA CONCEDE ENTREVISTA À FOLHA DE SÃO PAULO E DESMONTA O GOLPE


O que houve foi que um grupo de políticos que supostamente davam apoio ao governo num determinado momento decidiu que iriam destituir a presidente. O resto foi pura encenação. Os argumentos da defesa não eram levados em consideração, nada era pesado e examinado sob uma ótica dialética.

E qual é o problema do enfraquecimento da Presidência?

No momento em que você mina esse pilar central, todo o resto passa a sofrer desse desequilíbrio estrutural. Todas as teorias dos últimos 30 anos, de hipertrofia da Presidência, de seu poder quase imperial, foram por água abaixo. A facilidade com que se destituiu um presidente desmentiu todas essas teses.

No momento em que o Congresso entra em conluio com o vice para derrubar um presidente da República, com toda uma estrutura de poder que se une não para exercer controles constitucionais mas sim para reunir em suas mãos a totalidade do poder, nasce o que eu chamo de desequilíbrio estrutural.
Essa desestabilização empoderou essa gente numa Presidência sem legitimidade unida a um Congresso com motivações espúrias. E esse grupo se sente legitimado a praticar as maiores barbáries institucionais contra o país.

E na área econômica?
O Brasil deu um passo para trás gigantesco em 2016. As instituições democráticas vinham se fortalecendo de maneira consistente nos últimos 30 anos. O Brasil nunca tinha vivido um período tão longo de estabilidade.

E houve uma interrupção brutal desse processo virtuoso. Essa é a grande perda. O Brasil de certa forma entra num processo de "rebananização". É como se o país estivesse reatando com um passado no qual éramos considerados uma República de Bananas. Isso é muito claro. Basta ver o olhar que o mundo lança sobre o Brasil hoje.

E qual é ele?

É um olhar de desdém. Os países centrais olham para as instituições brasileiras com suspeição. Os países em desenvolvimento, se não hostilizam, querem certa distância. O Brasil se tornou um anão político na sua região, onde deveria exercer liderança. É esse trunfo que o país está perdendo.

O que o senhor achou da aprovação da lei de abuso de autoridade na Câmara?

Tudo o que está acontecendo esta semana no Congresso é desdobramento do controvertido processo de impeachment, cujas motivações reais eram espúrias.
Ou seja: a partir do momento em que se aceitou como natural o torpedeamento do pilar central do sistema presidencialista, abriu-se caminho para o enfraquecimento de outras instituições.

A lógica é a seguinte: se eu posso derrubar um chefe de Estado, por que não posso intimidar e encurralar juízes? Poucos intuíram –ou fingiram não intuir– que o que ocorreu no Brasil de abril a agosto de 2016 resultaria no deslocamento do centro de gravidade da política nacional, isto é, na emasculação da presidência da República e do Poder Judiciário e no artificial robustecimento dos membros do Legislativo.

O que o senhor acha da hipótese de Lula ser preso?

Eu nunca li, nunca me debrucei sobre essas acusações.
Sei que há uma mobilização, um desejo, uma fúria para ver o Lula condenado e preso antes de ser sequer julgado. E há uma repercussão clara disso nos meios de comunicação. Há um esforço nesse sentido. Mas isso não me impressiona. Há um olhar muito negativo do mundo sobre o Brasil hoje. Uma prisão sem fundamento de um ex-presidente com o peso e a história do Lula só tornaria esse olhar ainda mais negativo. Teria que ser algo incontestável.









30 de novembro de 2016

OLHA A HISTÓRIA SE REPETINDO. O MESMO ESPAÇO QUE A DILMA DEU AO PMDB, TEMER VAI ENTREGAR AO PSDB. INCLUSIVE A CADEIRA DE PRESIDENTE

PSDB DEVERÁ GANHAR MAIS ESPAÇO NO GOVERNO TEMERBeto Barata/PR
O assunto, que já havia sido alvo de discussão entre Temer e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso na última sexta-feira, já está em fase de implantação; ampliação da participação do PSDB também está sendo vista uma espécie de início de uma possível reforma ministerial e abre a chance de uma aliança eleitoral para as próximas eleições presidenciais; atualmente os tucanos ocupam os ministérios das Cidades e das Relações Exteriores

28 de novembro de 2016

ÁGUAS DE PIMENTA BUENO INSTALA O CAOS NA CIDADE

Pimenta Virtual: "Ter uma empresa privada administrando a água não vai onerar os custos do consumidor" ?

Prefeito Jean Mendonça: “Temos um contrato bem elaborado, onde os preços tem que se manter abaixo da tabela da empresa que hoje administra a água no município. Sem contar que a empresa terá que cumprir metas de saneamento básico, coisa que nunca foi feito pela CAERD. Vamos criar uma agência reguladora para garantir que as metas sejam cumpridas e que a empresa administradora mantenha o preço de acordo com a tabela pré estabelecida”. Disse Jean Mendonça que concluiu: “A população vai ganhar em qualidade de vida, saúde, pois com o saneamento básico diminuiremos os casos de doenças. Só estamos mudando por que as coisas não podem permanecer na inércia, a CAERD se diz pública e que não visa lucro, porém, tem uma arrecadação em torno de 600 mil reais mês, no entanto nunca vi este dinheiro voltar em benefícios à população”.

Onde estão os vereadores que aprovaram a privatização, o prefeito que vendeu ilusões a população e a tal AGENCIA REGULADORA, cuja ação até o momento, foi liberar um reajuste de quase 10% nas próximas faturas de água? 


23 de novembro de 2016

8º INQUÉRITO. QUANTOS SERÃO NECESSÁRIOS PARA QUE ELE SEJA PUNIDO?


STF ABRE 8º INQUÉRITO CONTRA LÍDER DO GOVERNO, QUE DEFENDEU 'ESTANCAR A SANGRIA'



Ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou nesta quarta-feira, 23, a abertura de mais um inquérito contra o senador Romero Jucá (PMDB-RR), líder do governo Michel Temer no Senado; Jucá será é suspeito de atuar em mudanças em medidas provisórias do governo federal, em troca de vantagens indevidas; Jucá já era investigado em outro inquérito da Zelotes, junto com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL); com o novo inquérito, Romero Jucá, que defendeu amplo pacto para "estancar a sangria" provocada pela Lava Jato, passa a responder a oito inquéritos no STF

23 DE NOVEMBRO DE 2016 ÀS 16:18 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM

DENÚNCIA DE ABUSO POLÍTICO AMEAÇA POSSE DE JULIANA ROQUE, A PREFEITA ELEITA DE PIMENTA BUENO

 A Juíza Eleitoral em Substituição, Dra. Roberta Cristina Garcia Macedo acatou pedido do Ministério Público Eleitoral e determinou na última quarta-feira, 16 de novembro de 2016, a suspensão da diplomação da prefeita eleita de Pimenta Bueno, Juliana Roque, juntamente com o seu vice, Henrique Sanches Lima.

A decisão que ainda cabe recursos visa, segundo a justiça eleitoral, em sede de tutela de urgência, a determinação da suspensão da diplomação dos representados JULIANA ROQUE E HENRIQUE SANCHES, aduzindo, em síntese, constar prova da prática de abuso, representadas por diálogos obtidos via aplicativo “WhatsApp”, sendo tais provas suficientes para caracterizar a verossimilhança do legado (fummus boni iures) e que o perigo da demora fica consubstanciado pelo prazo exíguo para processamento da AIJE. Tece considerações acerca da existência d e diversos litisconsortes e a gravidade dos fatos apresentados, bem como da necessite de garantia processual, que a assunção ao poder dos representados ocasionará ampliação dos “poderes eleitorais” do Deputado Cleiton Roque, nas palavras do Poder Judiciário.

A decisão provocou uma grande incertezas sobre o futuro da Administração pública municipal para os próximos quatro anos. Soube a pouco, que até os trabalhos da equipe de transição que já havia iniciado foram suspensos por ordem superiores. O inquérito montado pelo Ministério Público envolve 13 pessoas entre candidatos e apoiadores.

Vamos aguardar os próximos capítulos e torcer para que tudo seja esclarecido da melhor maneira possivel. 

ATAQUE AO BB AMEAÇA O PAÍS INTEIRO

"Décadas depois de Getúlio Vargas definir o papel essencial do Banco do Brasil no financiamento do desenvolvimento do pais, governo Temer ameaça a instituição com a redução de 500 agências e 17 000 aposentadorias antecipadas," escreve Paulo Moreira Leite, colunista do 247; ele relata que enquanto bíblias do mercado financeiro, como a revista Economist, já reconheceram que potencias em ascensão sempre recorreram ao Estado para um crescimento rápido, "iniciativa contra o BB pode cortar pela raiz um instrumento capaz de estimular o crescimento -- quando o pais tiver um governo realmente interessado em fazer isso"; retrospecto da crise de 2008-2009 mostra o papel essencial dos bancos públicos para recuperar a economia brasileira, numa conjuntura em que o Banco Central, presidido pelo atual ministro da Fazenda Henrique Meirelles, mantinha os juros num patamar desfavorável ao crescimento

20 de novembro de 2016

AÉCIO SE DIZ INOCENTE, PREGA ANISTIA AO CAIXA 2 E SUGERE PRISÃO DE LULA

Um dos políticos mais delatados na Lava Jato, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) concedeu uma longa entrevista em que defendeu a "criminalização do caixa dois" daqui para a frente – a senha para anistiar quem cometeu o crime no passado; ele também negou ter recebido propinas nas obras da Cidade Administrativa como já foi dito por delatores e, ao mirar nos adversários, disse que a sociedade não deveria se preocupar com uma eventual prisão do ex-presidente Lula; "quero justiça", diz ele; Aécio já foi acusado de comandar um mensalão em Furnas, de ser "o mais chato" cobrador de propinas de empreiteiras, de superfaturar obras em Minas em troca de doações e de manipular uma CPI para abafar ligações com o Banco Rural, na época do chamado mensalão

Marri Nogueira

20 DE NOVEMBRO DE 2016 ÀS 05:58 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM

10 de novembro de 2016

PREFEITO DO (PP) DE VILHENA É PRESO E TRANSFERIDO PARA PORTO VELHO

Ministério Público do Estado de Rondônia e Polícia Federal deflagram Operação Àugias contra organização criminosa comandada pelo prefeito de Vilhena

Apurou-se que o Prefeito Municipal José Luiz Rover era o líder de sólida e articulada organização criminosa instalada no Poder Executivo do município de Vilhena, cujo propósito era desviar verbas do erário.O Ministério Público do Estado de Rondônia, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e do Centro de Atividades Judicais (CAEJ), e a Polícia Federal em Vilhena deflagraram na manhã desta quinta-feira, 10/11/2016, a Operação ÁUGIAS.

Apurou-se que o Prefeito Municipal José Luiz Rover era o líder de sólida e articulada organização criminosa instalada no Poder Executivo do município de Vilhena, cujo propósito era desviar verbas do erário, especialmente da Secretaria Municipal de Comunicação (SEMCOM) e da Secretaria Municipal de Obras (SEMOSP), mediante processos administrativos de reconhecimento de dívidas, nos quais empresas eram contratadas sem licitação.

Constatou-se que o dinheiro desviado da SEMCOM foi utilizado para pagar dívidas pessoais de publicidade e propaganda do Prefeito, inclusive servindo para pagamento de “mesadas” à imprensa local para manter sua imagem inabalada perante a sociedade vilhenense e também para fins de promoção pessoal. O Prefeito também foi responsável pela contratação direta, sem licitação, de empresa para a prestação de serviços de pavimentação asfáltica à SEMOSP, mediante reconhecimento de dívida no valor de mais de um milhão de reais.

Além disso, a organização criminosa chefiada por José Luiz Rover cometeu outros crimes no município de Vilhena, que envolvem esquema fraudulento de aprovação e regularização de loteamentos, mediante pagamento de propinas a vereadores e ex-Secretários Municipais, dentre outros, sendo que até o momento 07 (sete) vereadores tiveram prisão preventiva decretada, dos quais 02 (dois) estão foragidos e 05 (cinco) foram presos. Na mesma fase, foi também decretado pela Justiça Estadual e cumprida a prisão preventiva do vice-prefeito.

A organização criminosa, no período compreendido entre 2010 a 2016, praticou vários crimes, como falsidade ideológica, fraude à licitação, lavagem de capitais, corrupção passiva, crime de responsabilidade, entre outros, que tiveram a participação do Prefeito, ex-Secretários Municipais, servidores públicos e empresários.

Nesta quinta-feira (10/11) estão sendo cumpridos, pela Polícia Federal e GAECO, por ordem do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia, mandado de prisão preventiva, mandado de busca e apreensão, além de ordem de suspensão da função pública do Prefeito, indisponibilidade de bens e outras medidas cautelares.

O nome da Operação, ÁUGIAS, é uma referência ao serviço de limpeza e purificação que Hércules realizou nos estábulos imundos de Áugias, filho de Poseidon. Segundo a mitologia grega, Áugias possuía um rebanho numeroso que há mais de trinta anos não era limpo, mas Hércules removeu toda a sujeira acumulada em um dia. Aqui, matéria do Tudo Rondônia

9 de novembro de 2016

QUEM VAI REPARAR OS DANOS?

QUEM VAI REPOR A HONRA A LINDBERGH FARIAS?

Waldemir Barreto/Agência Senado
"Não têm nada e não tinham nada. Ainda assim, expuseram uma figura pública, que depende de sua imagem, a um ano e meio de execração. O Dr. Janot e o Ministro Teori Zavascki, os procuradores de Curitiba e o Dr. Moro, que mandou gravar e divulgou telefonemas entre o senador, vão pedir desculpas?", questiona Fernando Brito, editor do Tijolaço
9 DE NOVEMBRO DE 2016 ÀS 07:28 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM 

8 de novembro de 2016

Nestor Cerveró depõe em processo e afirma que jamais recebeu pressão de Lula para esconder qualquer fato

Testemunhas dizem desconhecer qualquer ação de Lula contra delação na Lava Jato.

Nestor Cerveró depõe em processo e afirma que jamais recebeu pressão de Lula para esconder qualquer fato

O ex-executivo da Petrobras Nestor Cerveró e sua advogada, Alessi Brandão, afirmaram nesta terça-feira que receberam pressões apenas de Delcidio do Amaral, para que evitassem citar o ex-senador na delação premiada assinada pelo ex-funcionário da estatal.

As afirmações foram feitas em audiência realizada em Brasília, no processo penal em que o ex-presidente Lula, entre outros, é acusado por obstrução de Justiça.

A informação desmonta a principal acusação contra Lula no processo, de que ele teria pressionado o ex-executivo da Petrobras para omitir fatos em sua delação premiada.

Tanto Cerveró quanto sua advogada reafirmaram não terem nenhuma pressão para evitar menções ao ex-presidente Lula ou ao banco BTG. Todas as testemunhas ouvidas na audiência disseram desconhecer qualquer ação do ex-presidente Lula para obstruir a delação de Cerveró.

SEM PROVAS, CADA DIA QUE PASSA FICA MAIS DIFÍCIL CONDENAR LULA

CERVERÓ DIZ QUE JAMAIS RECEBEU PRESSÃO DE LULA PARA OBSTRUIR DELAÇÃO


Em depoimento nesta terça-feira, 8, o ex-diretor Internacional da Petrobras Nestor Cerveró afirmou que recebeu pressões apenas do senador cassado Delcidio do Amaral, para que evitasse citar o ex-senador na delação premiada assinada pelo ex-funcionário da estatal; tanto Cerveró quanto sua advogada Alessi Brandão reafirmaram não terem nenhuma pressão para evitar menções ao ex-presidente Lula; todas as testemunhas ouvidas na audiência disseram desconhecer qualquer ação do ex-presidente Lula para obstruir a delação de Cerveró; depoimentos reforçam a tese de que que Delcídio agiu por interesse próprio ao tentar impedir a delação de Nestor Cerveró
8 DE NOVEMBRO DE 2016 ÀS 15:31 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM Telegram

7 de novembro de 2016

ESTUDANTE QUE PAGOU PARA FRAUDAR ENEM PEDIU “FORA, DILMA”



Suspeita pela Polícia Federal de contratar uma quadrilha especializada em fraudes no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) 2016 e em outros concursos realizados no País, a estudante Sofia Azevedo Macedo, moradora do Vale do Jequitinhonha, se manifestou contra a corrupção no Brasil, pedindo "Fora, Dilma"; com ponto eletrônico, ela respondia com tosses às perguntas do membro da quadrilha que tentava fraudar o Enem

4 de novembro de 2016

Vereadoras com plataforma em prol dos direitos das mulheres puxam votos e ampliam as bancadas do PSOL nas capitais

As vereadoras feministas eleitas pelo PSOL em 2016
AdicioAs vereadoras eleitas Fernanda Melchionna, Áurea Carolina, Marielle Franco e Sâmia Bomfim
É mulher preta! É mulher preta!”, bradou em Belo Horizonte no domingo 2 o grupo de eleitores e apoiadores da cientista política Áurea Carolina, 32 anos, após a confirmação de sua eleição como vereadora pelo PSOL. Mulher, negra e feminista, Carolina foi a candidata mais votada na capital mineira, arregimentando 17.420 votos. 

Carolina é uma das parlamentares eleitas na semana passada que defendeu na campanha a ideia de ampliar a representatividade feminina nas Câmaras Municipais, espaço tradicionalmente dominado por homens. Articuladora do movimento ‘Muitas pela cidade que queremos’, que organiza discussões e eventos culturais em Belo Horizonte, Carolina iniciou seu ativismo no hip-hop. Sua expressiva votação, a maior da cidade nos últimos 12 anos, foi uma surpresa. “Menina, estou atônita, acho que ainda não caiu a ficha”. 

Na esteira da chamada primavera feminina e de discussões sobre a questão do assédio e da cultura do estupro, candidatas declaradamente feministas e com propostas focadas nos direitos das mulheres alavancaram votos para o PSOL em diversas cidades importantes, como as capitais Rio de Janeiro, São Paulo, Belém e Porto Alegre, além de cidades como Niterói (RJ) e Campinas (SP). 

Os resultados são um alento diante de uma realidade alarmante. Atualmente, existem 7.782 mulheres vereadoras em todo o Brasil, contra 49.825 homens. Os dados são da Secretaria de Política para Mulheres, que perdeu o status de ministério no governo Michel Temer e foi absorvida pelo Ministério da Justiça. No âmbito federal, menos de 10% dos parlamentares são mulheres.

Esses números persistem apesar da obrigatoriedade de cada partido reservar uma cota mínima de 30% para candidatas. Na prática, verifica-se que muitas dessas candidaturas são de "laranjas". Outras tantas, legítimas, acabam recebendo menos recursos que as dos homens. “Os partidos são instituições machistas, patriarcais e racistas há muito anos. E esse poder não vai ser desmontado pela intenção dos homens, são as mulheres ocupando que vão mudar o jogo”, diz Carolina.

Marielle Franco, 37 anos, negra, nascida, criada e moradora do Complexo da Maré no Rio de Janeiro, concorda. “Ou a revolução será feminista, classista e com o debate da negritude, ou não será”, afirma. Ela conseguiu 46 mil eleitores, tornando-se a quinta vereadora carioca mais votada. Socióloga e ex-coordenadora da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, a militante do PSOL defende a presença das mulheres nos espaços de decisão. “Não pode ter só homens brancos ricos, que nunca tiveram medo de saltar num ponto de ônibus escuro ou que nunca tenham sido assediados”.

Na capital paulista, a bancada feminina dobrou, passando de cinco para 11 mulheres eleitas em um universo de 55 parlamentares. Duas são declaradamente feministas: Juliana Cardoso (PT) e a estreante Sâmia Bomfim, 27 anos, primeira mulher vereadora do PSOL a ser eleita para a Câmara. 

Formada em Letras pela USP e funcionária pública na mesma universidade, Sâmia voltou para a Câmara dos Vereadores, literalmente, pela porta da frente. Em junho, a feminista foi retirada à força do parlamento paulistano e arrastada por dois policiais militares durante um protesto contra sessão solene que comemorava a exclusão das discussões de gênero no plano municipal de educação. “A gente foi arrancada a força de lá e vamos entrar num novo patamar de disputa agora”, afirma. Sua prioridade no mandato será o enfrentamento da violência de gênero, defendendo a expansão das delegacias da mulher com funcionamento 24h.

3 de novembro de 2016

Capitão confirma alerta da Defesa Civil e lamenta fraudes que espalham pânico em Vilhena


Imagens adulteradas assustam pessoas em várias cidades

Por telefone, o FOLHA DO SUL ON LINE conversou, nesta quinta-feira, 03, com o Capitão/Bombeiro Artur Luiz Santos de Souza, um dos que assinaram a nota de alerta emitida pela Defesa Civil de Rondônia quanto a uma possível tempestade que poderia provocar estragos em vários municípios.

O militar, que é Diretor de Planejamento e Operações de Defesa Civil, disse que o alerta foi dado em razão dos dados repassados pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET), que previu ventos a partir de 66 km por hora e chuvas torrenciais em pelo menos quatro Estados: Goiás, Mato Grosso, Amazonas e Rondônia.

Falando de Porto Velho, o capitão disse que, embora as previsões sejam verdadeiras, elas podem variar de intensidade de um lugar para o outro. Em Rondônia, até o momento, apesar das chuvas em várias cidades, não foi registrada nenhuma catástrofe.

Santos de Souza disse que, ao alerta para os perigos do eventual fenômeno climático, quis deixar a população em alerta sem causar pânico. “Mas, pessoas mal intencionadas estão usando imagens falsas para assustar a população”, lamenta.

TEMPORAL DE MALDADES
E o Bombeiro está certo: graças ao alcance dos aplicativos de celular e as redes sociais, em Vilhena, algumas pessoas estão assustadas com a possibilidade de a cidade ser atingida por alguma catástrofe. Em determinadas escolas, pais estão buscando os filhos mais cedo e famílias inteiras planejam passar as próximas horas dentro de casa.

Pelo menos dois vilhenenses que estão em viagem pelo Estado enviaram ao FOLHA DO SUL ON LINE imagens recebidas através do WhatsApp, como se fossem da cidade sob risco de um grande dilúvio. O site constatou que ambas as fotografias (usadas para ilustrar esta reportagem) são fraudes, uma vez que o tempo em todo o Cone Sul, ainda que propenso a chuvas e trovoadas, não é tão assustador quanto nos flagrantes disseminados virtualmente.

20 de outubro de 2016

VAZOU O POWERPOINT DO CUNHA

Jornalista Esmael Morais ironiza o power point do procurador Deltan Dallagnol, quando apresentou a última denúncia do Ministério Público contra Lula, ao preparar uma versão de Eduardo Cunha; o deputado cassado está ligado a todos os caciques do governo Temer: Renan Calheiros, Eliseu Padilha, Moreira Franco, Valdir Raupp, Romero Jucá e o próprio presidente.
20 DE OUTUBRO DE 2016 ÀS 14:11 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM Telegram

19 de outubro de 2016

INTENÇÃO DE VOTO EM LULA É UMA RESPOSTA AO DESMONTE DO ESTADO SOCIAL FEITO POR TEMER E SUA TROPA GOLPISTA.

LULA CRESCE E, COM 34%, LIDERA DISPUTA PRESIDENCIAL

Ricardo Stuckert / Instituto Lula
Mesmo sob forte ataque da mídia e de setores do Ministério Público, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua como favorito à Presidência da República pela maioria do eleitor brasileiro; 5ª rodada da pesquisa CUT/Vox Populi, com 2 mil pessoas, divulgada há pouco, mostra que Lula subiu de 29% em junho para 34%; se o deixarem concorrer novamente, Lula ganhará de Aécio Neves/PSDB (15%), Marina Silva/Rede (11%), Jair Bolsonaro/PP (7%) e Ciro Gomes/PDT (5%); se o candidato tucano for Geraldo Alckmin, Lula vence também, com 35% contra 12%; para 42% dos entrevistados pela pesquisa, Lula foi o melhor presidente do Brasil



18 DE OUTUBRO DE 2016 ÀS 19:25 // RECEBA O 247 NO TELEGRAM

18 de outubro de 2016

COMUNIDADE NOSSA SENHORA DA PENHA RECEBE COM ENTUSIASMO OS RETIRANTES DO 1º RETIRO DE CASAIS DE ALTA FLORESTA DO OESTE.


A Comunidade Nossa Senhora da Penha de Alta Floresta do Oeste em Rondônia estava em festa no último domingo. Uma multidão lotou o salão paroquial da comunidade para receber e celebrar com os retirantes que participaram do primeiro retiro de casais da Paroquia Nossa Senhora da Penha daquele município. Foram 55 casais que deixaram a cidade, suas casas, seus afazeres, celulares e outros compromissos e se recolheram em algum lugar de Rondônia para duas noites e dois dias de convívio, reflexão, oração e troca de experiências. Outros 300 voluntários de Alta Floresta, Pimenta Bueno e Espigão do Oeste se juntaram a eles para transformar o ultimo final de semana num grande momento de encontro e meditação. Eu não estive lá, mas sei que muito foi dito e refletido sobre a família como projeto de Deus e seu papel na comunidade e na sociedade.

Padre Adrianus foi o assessor espiritual do encontro que teve como tema, “ MESMO QUE A FÉ É PEQUENA, MILAGRES ACONTECERÃO, VOU CONFIAR”. Padre Adriano contou ainda com apoio do Frei Luciano e Frei Valdir de Pimenta Bueno e com dezenas de leigos e leigas que também contribuíram de forma decisiva para o sucesso do retiro.

De volta para Alta Floresta, os retirantes foram recebidos pelo Pároco da Paroquia Nossa Senhora da Penha, Padre Irineu que presidiu a celebração da Santa Missa, ao lado de Padre Pedro, Padre Adrianus e Frei Luciano. Foi sem dúvidas, uma celebração histórica, emocionante e cheia de simbolismo. Tudo muito bem preparado pelas equipes de canto e liturgia, dentro de um ambiente alegre e bem decorado pela equipe de decoração que trabalhou duro para deixar o ambiente ainda mais agradável e receptivo. 

Se é fato que muitos dos problemas sociais presentes na sociedade moderna estão relacionados a desestruturação das famílias, também é fato que a solução para muitos desses problemas passa pela reestruturação familiar. Talvez seja esta a grande contribuição da igreja, dos retiros, dos encontros de casais e da Pastoral familiar. Eu sei que o retiro não tem por objetivo mexer com a consciência crítica e política de seus participantes. Quem é de direita vai voltar de direita, quem é de esquerda vai voltar de esquerda e quem não se definiu politicamente vai voltar do mesmo jeito. Mas uma coisa é certa, quem participa desses momentos volta com mais consciência do seu papel de filho, filha, pai, mãe, esposo e esposa, companheiro e companheira e de cristão. 

Parabéns a todos e a todas que se doam a esta causa, saibam que a causa da família é uma causa nobre. Meu respeito e minha admiração aos que abraçam esta causa sem demagogia e segunda intenções.

MARINGONI DIZ O QUE LULA DEVERIA TER FEITO PARA NÃO SER PRESO

Gilberto Maringoni, do Psol, listou algumas iniciativas que o ex-presidente Lula poderia ter tomado para não ser preso. Confira:

- Ter sido o responsável pelas obras da Linha Amarela do metrô paulistano, que resultaram em desabamento e várias mortes;
- Ter comandado a chacina do Carandiru;
- Ter chefiado a quadrilha do roubo da merenda no estado de São Paulo;
- Ter organizado o cartel do trensalão, tambem em SP, ou...
- Ter mandado construir um aeroporto com dinheiro público no sítio de Atibaia.

SE TIVESSE FEITO ALGUMA DESSAS COISAS, NÃO HAVERIA O MENOR RISCO DE IR PARA A CADEIA.