MATÉRIA IMPERDÍVEL

"PARA CUMPRIR O ACORDO ESPÚRIO COM A ODEBRECHT, MORO E OS GOLDEN BOYS, NEGAM A LULA O DIREITO A AMPLA DEFESA",


O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) usou as redes sociais para acusar o juiz federal Sérgio Moro de estar limitando o direito de defesa de Luiz Inácio Lula da Silva ao não permitir que o ex-presidente tenha acesso aos sistemas de propina da Odebrecht; "para cumprir o acordo espúrio com a Odebrecht, Moro e os Golden Boys, negam a Lula o direito a ampla defesa", escreveu o parlamentar, que desafiou a equipe da Lava Jato tornar "público o acordo de leniência firmado com a Odebrecht e me desmentirem se isso não estiver lá


2 DE NOVEMBRO DE 2017 ÀS 12:46 //