Pular para o conteúdo principal

Tucano critica pedido de impeachment de Dilma e é hostilizado

Ex-coordenador digital da campanha presidencial de Aécio Neves, o ex-deputado Xico Graziano classificou como “absurdas” e “antidemocráticas” as manifestações do último sábado que pediam o impeachment da presidente Dilma Rousseff e a volta dos militares ao poder. Após fazer a crítica em seuperfil no Facebook, Graziano foi hostilizado por internautas que o chamaram de “petralha”, “petista infiltrado”, “comunista” e “esquerdopata”. Em resposta, o tucano escreveu um texto em que diz que é “absurdo” militantes da direita exigirem do Partido da Social Democracia Brasileira que encampem sua ideologia.
“Quem concordar com as teses dessa turma aguerrida que vê o comunismo chegando, é contra os benefícios sociais, sonha com a ordem militar, por favor, deixem o PSDB. Vocês é que estão no lugar errado, não eu!”, desabafou Graziano, que foi chefe de gabinete do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e presidente do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) no governo tucano.
Para Xico Graziano, a direita brasileira mostra sua força na internet, mas não encontra representação em nenhum partido político. “Ora, nós, do PSDB, nascemos inspirados na socialdemocracia europeia, com viés da esquerda. Nossa origem reside no MDB autêntico, que foi decisivo na derrubada da ditadura militar. Nós fomos decisivos na Constituinte de 1988. Fomos nós, com FHC à frente, que criamos as bases socioeconômicas do Brasil atual, inclusive as políticas de transferência de renda e as cotas”, escreveu o ex-deputado.
Em São Paulo, cerca de 2,5 mil pessoas participaram da manifestação criticada por Xico Graziano na Avenida Paulista. A polêmica com o tucano começou no domingo quando ele publicou o seguinte comentário no Facebook: “Só para esclarecer: achei absurda tal manifestação. Antidemocrática, não republicana. Ainda por cima, pedindo a volta dos militares, meu Deus, tô fora disso. Esconjuro”.
Leia abaixo o texto na íntegra:
“Mexi num vespeiro da política ao postar aqui, ontem, opinião contrária ao impeachment da Dilma. Julguei a causa antidemocrática, não republicana. Não gostei daqueles discursos irados, revanchistas e reacionários. Tomei um troco bravo. Recebi centenas de comentários, críticos a maioria, de baixo nível muitos deles. Vou aprofundar a polêmica. Sigam meu raciocínio.
Existe no Brasil uma ideologia própria da direita que se encontra desamparada do sistema representativo, quer dizer, sem partido político. Sua força se mostra na rede da internet. Essa corrente luta para destruir o PT, acusando-o de querer implantar o comunismo por aqui. Defendem as liberdades individuais, combatem tenazmente a corrupção organizada no poder, desprezam totalmente as lutas sociais, mostrando-se intolerante com o direito das minorias. O deputado Bolsonaro e o ensaísta Olavo de Carvalho são seus expoentes.
Tudo bem. Acontece que, no período das eleições presidenciais, essa tendência se articula no seio do PSDB, trazendo para nosso partido suas causas. É normal existirem as alianças eleitorais, e para tal existe o segundo turno. O problema surge quando os militantes da direita exigem que nós, os sociais democratas, encampemos sua ideologia, o que seria um absurdo.
A intolerância mostrada em minha página do facebook reflete essa incompreensão. Criticam minha coerência, decepcionam-se com os meus valores imaginando que eu deveria assumir os deles. Pior, alguns tolamente me acusam de ser “petista infiltrado”. Dá até um pouco de dó.
Ora, nós, do PSDB, nascemos inspirados na socialdemocracia europeia, com viés da esquerda. Nossa origem reside no MDB autêntico, que foi decisivo na derrubada da ditadura militar. Nós fomos decisivos na Constituinte de 1988. Fomos nós, com FHC à frente, que criamos as bases socioeconômicas do Brasil atual, inclusive as políticas de transferência de renda e as cotas.
Na complexidade do mundo contemporâneo anda difícil rotular os partidos, e as pessoas, como de “direita” ou de “esquerda”, categorias válidas no século passado, mas ultrapassadas hoje em dia. De qualquer forma, quem concordar com as teses dessa turma aguerrida que vê o comunismo chegando, é contra os benefícios sociais, sonha com a ordem militar, por favor, deixem o PSDB. Vocês é que estão no lugar errado, não eu!”

Postagens mais visitadas deste blog

JI-PARANÁ: PT REALIZA PRIMEIRA REUNIÃO DO NOVO DIRETÓRIO ESTADUAL

O encontro aconteceu ontem em Ji-Paraná com análise de conjuntura estadual e nacional, prestação de contas, apresentações e debate sobre as eleições municipais deste ano.
O presidente Anselmo de Jesus abriu a reunião agradecendo a presença dos novos membros do Diretório Estadual, convidados e simpatizantes que lotaram o plenário da Câmara Municipal de Ji-Paraná. Em seguida, passou a palavra ao Deputado Lazinho da FETAGRO que fez uma retrospectiva de sua ação parlamentar em 2019 e as expectativas para 2020.
Davi Nogueira e Mauro Porto realizaram uma belíssima reflexão sobre a guinada conservadora e o avanço do neoliberalismo com sua faceta antidemocrática instalada no Brasil. Davi conceituou a palavra ideologia e  apresentou o viés ideologico que norteia as decisões do governdo de extrema direita de Jair Bolsonaro.

Davi Nogueira lembrou o conceito sobre ideologia defendido por Karl Marx onde ele afirma que poderemos compreender a função implícita ou explícita da ideologia, sua tentat…

PIMENTA BUENO - A DIFÍCIL TAREFA DE EQUILIBRAR AS CONTAS PÚBLICAS

FAZENDO AS CONTAS
Antes de iniciar este texto, preciso deixar claro minha posição em relação a atual gestão municipal e as pessoas do Prefeito e Vice-Prefeito de Pimenta Bueno. Em que pese estarmos de lados opostos no campo ideológico, devo dizer que cultivo um grande respeito e uma ótima relação com o Prefeito Arismar e seu Vice-prefeito, Valteir. Nada do que eu disser aqui, terá relação com a pessoa do prefeito e muito menos com seu mandato que acaba de iniciar. Vou tentar ser o mais imparcial possível e se não parecer, desculpe-me, pela visão.
Pimenta Bueno inicia 2019 com nova gestão e velhos problemas, uma pauta que inclui:
·Reajuste do IPTU
·Descontentamento da população com a situação das ruas e estradas
·Reclamação de mau atendimento no hospital Ana Neta
·Demissão de professores
·Corte na gratificação de servidores da educação em cargos gratificados
·Pressão dos professores em sala de aula por gratificação de 5% sobre os seus vencimentos
·Pressão do Legislativo sobre o Executivo por m…

COMUNIDADE NOSSA SENHORA DE FÁTIMA SE DESPEDE DE CELIMAR

Na Igreja onde ela sempre serviu, sua foto estava sobre o Altar. Lugar reservado a quem tem as mãos limpas, um coração puro, quem não é vaidoso e sabe amar. Era assim que os amigos e amigas que ali estavam a descrevia. No rosto de cada um e cada uma, se percebia estampada uma grande dor pela separação, mas no coração todos guardavam a certeza do seu encontro definitivo com Deus. Pois todo aquele que nele crer jamais morrerá.
Frei Romeu destacou a sua dedicação à comunidade, a firmeza e coragem com as quais enfrentou a doença. Ela não se deixou abater, não se entregou e não abandonou o serviço e a preocupação com os outros mesmo diante de toda a dificuldade imposta pelo tratamento e suas idas e vindas de Barreto. Frei Paulino também fez considerações ao grande exemplo de fé e dedicação de Celimar e lembrou aos presentes que não precisamos esperar o dia de finados para rezar e homenagear nossos entes queridos. A comunidade Nossa Senhora de Fatima tem uma Missa especial dedicados a ele…